quarta-feira, 5 de julho de 2017

ENTRE SÓIS (G)



A saúde revigora-se em Sol
e a alma preserva-se em luz

Descanso os olhos no Sol
Enfeite de sóis vim vi ver

Todo o meu corpo chama Sol
Pois o sal do Espírito é solar


domingo, 19 de março de 2017

UM SONHO ESTRANHO

Eu tive um sonho estranho
De um mundo sem igual
Não havia certo tamanho
E nem mesmo o normal


Eu tive um sonho estranho
De que ninguém era igual
Não vi Um seguir o outro
E nem um caminho fatal

Eu tive um sonho estranho
De um mundo anormal
Tudo sem ter-se medido
Nada de bem ou de mal

Eu tive um sonho estranho
De um mundo natural






sábado, 21 de janeiro de 2017

O CONFESSO: UM SIM VITAL!


Nietzsche ensina dança
com ou sem música 
em piso irregular 
A sinceridade desejante da criança...


Pois a Obra e o Corpo 
querem cantar:
"Confesso" e
"Sim"



Pintura: Jim Warren